AMATRA XV e ESMAT 15 prestam homenagens no Dia dos Pais



A AMATRA XV e ESMAT 15 homenageiam todos os pais, na pessoa de seus Associados: Rafael de Almeida Martins, José Rodrigues da Silva Neto e Orlando Taveira.

Parabéns!

Feliz Dia dos Pais!



Ser pai é descobrimento, renovação, aprendizado. Ser pai pela segunda vez é repetir tudo com uma intensidade maior. É ver o melhor de você te ensinando cada dia como coisas simples, aparentemente sem importância, são maravilhosas aos olhos de uma criança.

E tudo isso só tem contribuído para o desenvolvimento mais humano do meu mister como magistrado.

Observar os detalhes, valorizar pequenas coisas, julgar com a experiência de um adulto, mas com o olhar humano de uma criança, parece ser um dádiva divina.

Me considero um melhor juiz depois do nascimento das crianças. Não que antes a função fosse exercida sem o devido cuidado ou atenção, mas, agora, paciência, análise minuciosa das provas, zelo, e porque não, carinho, são coisas sentidas, vividas e aplicadas de forma mais espontânea.

Ser juiz é cuidar de uma imensa família. Ser pai de uma criança é cuidar da família com mais prazer e responsabilidade. Agora, ser pai de duas crianças, é ter preenchido todos os espaços vazios, amarradas todas as arestas e ser transformado em um ser humano melhor.

Hoje, com o recente nascimento da minha caçula, me considero feliz e pronto para atender toda sociedade com o melhor que um papai de duas crianças pode oferecer dentro e fora de casa.



Rafael de Almeida Martins

Pai e Magistrado do Trabalho da 15ª Região





O dia é dos pais, mas é necessário falar dos filhos.

O que é o filho?

Filho é aquele por quem você sai de casa e trabalha o dia todo com satisfação, como fazia meu querido pai nos tempos difíceis - mas felizes - de trabalho no campo, onde cresci e trabalhei!

Filho é aquele que faz você voltar a ser criança para ter a graça de compartilhar com a alegria dele!

Filho é aquele que cresce e fica adulto mas continua sendo uma criança aos olhos dos pais, pelo efeito hipnótico do nobre sentimento, o amor!

Filho é aquele que te faz sentir o calor de um abraço verdadeiro!

Filho é  a emoção maior da vida!

Filho é bênção!

Filho é vida!

Portanto, ser pai é ter o privilégio e a graça de Deus de ter um filho!

Feliz dia dos pais!

José Rodrigues da Silva Neto

Pai e Magistrado do Trabalho da 15ª Região





Gratidão do pai pelos filhos

Agradeço à AMATRA XV, ao ensejo do Dia dos Pais, por esta oportunidade de compartilhar a  alegria, o orgulho e a felicidade de ser pai de quatro filhos (que já me deram quatro netos),  Manoel Inácio, Ulisses, Rachel e Vinícius.

E aí invoco do outro Vinícius, o de Moraes, o seu poema sobre os filhos, dizendo:

“(...)

Porém, que coisa

Que coisa louca

Que coisa linda

Que os filhos são!”

E além disso tudo, dois de meus filhos me deram também a alegria de abraçarem, com todo o engajamento e entusiasmo, a nossa bela carreira da Magistratura do Trabalho.

São o Vinícius de Miranda Taveira, Juiz do Trabalho na Circunscrição de Campinas, e o Ulisses de Miranda Taveira, Juiz do Trabalho no Mato Grosso.

E aí eu sinto como se eles fossem a minha continuação, literalmente, indo além daquilo que fui, para chegar onde eu gostaria, mas não pude atingir.

E chega um momento em que se funde o amor de pais e filhos, pois antes de sermos pais, somos filhos, e nossos filhos também se tornam pais, de forma que o amor é paterno e é filial ao mesmo tempo, trazendo-nos à lembrança um trecho da canção Pais e Filhos, do Legião Urbana, segundo o qual:

“É preciso amar as pessoas

Como se não houvesse amanhã

Por que se você parar pra pensar

Na verdade não há

Me diz por que que o céu é azul

Explica a grande fúria do mundo

São meus filhos que tomam conta de mim”

E, por fim, como não há palavras para definir essa simbiose entre pai e filho e vice-versa, busco imaginá-la através de mais um poema, agora de um autor desconhecido:

O amor de filho e pai

É bem mais que devoção incondicional é sincero e sem medida

O amor de pai e filho é sagrado

É coisa de Deus inocente sem pecado

Por você dou minha vida

Somos nó que não desata

Tronco e raiz

Nossos sonhos não se acaba

Com você enfrento o mundo

Sem você sou quase nada

Dois caminhos que vão dar na mesma estrada

Preciso te dizer que meu abraço

Será sempre verdadeiro

Que dentro do meu peito

Bate um coração

Que te ama por inteiro

E quando eu precisar de um ombro amigo para chorar

Você sabe onde encontrar

Seremos grandes companheiros

Se um dia a vida machucar você

Com seus espinhos

Não tenha medo que jamais

Vou te deixar andar sozinho

Minha alma se ilumina

Meu olhar tem outro brilho

Quando me chama de filho e eu de amigo

Você é meu pai”


Parabéns aos pais e aos filhos!

Orlando Amancio Taveira

Pai e Desembargador do Trabalho da 15ª Região




Publicado: 09/08/2020



MAPA DO SITE

AMATRA XV Transparência Informações Serviços Publicações
• Sobre
Diretoria Atual
Comissões
   Extraestatutárias

Galeria de Presidentes
• Magistrados
Estatuto
ESMAT 15 –
   Escola Associativa

• TJC –Trabalho, Justiça
   e Cidadania
Radar da Cidadania




Calendário Institucional

Eventos

Notícias
• Associados
    •
    •
    •
• Listas de Discussões
    •
    •


Webmail
Artigos Científicos
Jornal

Obras de Associados
Revista
TV AMATRA XV


Copyright © 1998~2022 • AMATRA 15 - Todos os direitos reservados
Rua Riachuelo, 473 conjs. 21 e 22 (Bosque) - CEP: 13015-320 - Campinas (SP) - Brasil
Fone: (19) 3251-9036 - E-mail: falecom@amatra15.org.br

Desenvolvido por